Área Restrita

CP: Amigos de Jesus Bom Pastor


         As Pastorinhas nasceram em 1938. Desde os primeiros anos da Congregação, Pe. Alberione orientou as irmãs para formarem os Cooperadores próprios. Isso foi sendo feito não de maneira oficial. De 1955, temos um manuscrito de Alberione no qual ele orienta explicitamente a Superiora Geral das Pastorinhas, para que elas estabelecessem um regulamento para os Cooperadores:
"Vocações à perfeiçao = formulai um regulamento de Cooperadores e Cooperadoras divididos em duas classes = ajudantes no apostolado com a oração - ofertas - obras; e tendentes à perfeiçao segundo o seu estado"
       
        Devido às circunstâncias daquele momento, isso não foi levado adiante.
        É claro que, ao longo de sua história, nos vários lugares em que chegaram, as Irmãs Pastorinhas sempre tiveram muitas pessoas que as ajudaram na vida e missão, através da oração, amizade, nas atividades, nas iniciativas pastorais. Mas não eram grupos de Cooperadores organizados.
        Nos últimos anos, com uma maior clareza do carisma e do desejo do Fundador, e também por ter mais condições de acompanhamento,  a Congregação começou a organizar melhor os Cooperadores existentes. Foi feito já um bom caminho de formação mais sistemática dos grupos, clareando a identidade do Cooperador e as formas de cooperação. No último Capítulo Geral da Congregação foi definido o nome oficial dos Cooperadores junto às Pastorinhas: Cooperadores Paulinos: Amigos de Jesus Bom Pastor.
No Brasil, os primeiros grupos surgiram em torno do ano 2000. Hoje existem cerca de 20 grupos com mais de 200 membros.
 
Alberione às Pastorinhas sobre os Cooperadores:
“Quando aconteceu a pesca milagrosa o que fez S. Pedro e o que fez os seus companheiros? Tinham jogado as redes por ordem do Mestre Divino. E as redes ficaram cheias de peixes, que encontraram dificuldades para trazê-las nas barcas e conduzi-las à margem do lago.
Então, chamaram das outras barcas, para vir ajudá-los. E vieram. E com eles, as redes cheias de peixes, foram colocadas nas barcas e as barcas foram empurradas para a margem e lá se fez a divisão entre os peixes bons e os não bons. (cfr. Lc. 5,1-11)
O que significa esses sócios ou esses companheiros, que foram convidados pelos Apóstolos a virem ajudar para recolher toda a pesca e levá-la à margem? Significa os Cooperadores.
O que são os Cooperadores? Os Cooperadores são aqueles que trabalham com vocês, isto é, aqueles que fazem isto: “cooperam” quer dizer “operam com,” operam com vocês para a mesma finalidade. Isto é, na finalidade que a Pastorinha tem no ajudar as pessoas à salvação, a conduzi-las ao céu, a santificá-las. Ajudando com a oração, com as obras e ofertas a difusão do Evangelho e da fé católica com os meios de comunicação social e com a pastoral. Essas pessoas podem ser muito úteis, podem ser vossas cooperadoras. E se não são cooperadoras de vosso apostolado, podem ser cooperadoras de outros apostolados dos quais vocês não devem se dedicar”. (Alberione, cf. AAP 1958, 2ss)